Terça-feira, 29 de Junho de 2004

Momento de aflição...para ela!

dog1_dog.jpg



Em primeiro lugar quero-vos pedir desculpa por só hoje ter postado, mas aconteceram umas mudanças radicais na minha vida pessoal.

Andava o EU muito bem descansado a pensar qual seria o restaurante que me iria acolher na hora de almoço, quando derepente toca o telemóvel. Na minha hora de almoço , não atendo telefonemas nem que esteja a começar o holocausto, mas desta vez teve que ser...o holocausto já tinha começado...era a minha Senhora(termos vulgares: Carro-de-mão;esponja;atrelado...enfim o pesadelo!), queria o código do cartão de crédito, dando a desculpa que tinha um encontro com umas amigas. E eu feito urso...dei-lho(não...não...dei-lhe o código, mas de um cartão caducado...).
Como ela disse que iria regressar tarde a casa, combinei também uma saida com alguns colegas do emprego, mas quando eu cheguei ao local marcado, já um bocadinho atrasado, não estava lá ninguém e tive que voltar para casa...
Apartir deste dia, nunca mais quero viver com ninguém...
Eu entrei em casa sem fazer grande alarido( porque estava sozinho, não me adiantava...)e dirigi-me á cozinha(é sempre a primeira coisa que faço quando chego a casa)para abrir o frigorifico, tiro uma cerveja e vou para a sala, ligo o meu receptor de televisivo e sento-me no sofá(pés em cima da mesa como sempre).Já estava a ficar com os nervos á flor da pele, pois não sabia do comando...
De súbito oiço uns gemidos vindos do quarto...curioso vou verificar o que se passa...a minha mulher estava em casa e acompanhada...foi a última vez que isso me aconteceu, juro-vos!!!
Tive que ir buscar a pistola que comprei no mercado negro(baratucha e com um cartcho de balas de oferta)...penso que foi roubada a um policia...Não restisti e tive que limpar o sebo á Maria, mas ao meu melhor amigo...não consegui fazer nada excepto amarrá-lo de volta na sua casota e deixá-lo a passar fome 1 semana...ainda não passou, vou ver se consigo aguentar mais tempo...

por aguadeiro


publicado por Aguadeiro às 01:01
Link | Comentários | Ver Comentários (15) | Adicionar a Favoritos
Domingo, 27 de Junho de 2004

Sem limites...tirando o comandante!

pirates.jpg
Hoje vou-vos contar como foi a minha primeira vez...porque sinto a necessidade de expor esta aventura!
Tudo começou no ano de 1685 ainda eu namorava com a irmã do João, quando fui chamado para embarcar numa frota de barcos em direcção ao Cazaquistão.
50 marinheiros; 4 cozinheiros; 1 comandante;10 empregadas de limpeza e 6 Hospedeiras de bordo(não sei se se podem chamar assim, mas prontos) todas com aparência de modelos, medidas certas para encher os olhos de quem as observava, infelizmente não posso dizer que a TAP as tem...pelo que eu tenho conhecido nas viagens que faço!
No 2° dia de viagem comecei a ficar curioso com uma delas...logo por azar, era a amante do comandante, e para quem não está a ver...de um navio de piratas!!
Começámos com a mais vulgar troca de olhares(e ainda dizem que não resulta!), passados dez minuto, chamei-a para irmos dar uma volta, porque o seu amante tinha desembarcado e estávamos livres...
Fomos até á casa das máquinas(na altura, as máquinas eram os escravos!), assim que encostámos as portas, para não sermos apanhados...começámos a trocar beijos, abraços, e carinhos por tudo quanto era lado (ai...ai...aí não!!!). Quando se acabaram as ideias, ela vira-se para mim e diz:
- Queres brincar aos médicos???
Eu sem saber o que fazer, porque não tinha feito o curso de medicina, respondi-lhe que sim, mas tinha que me explicar como é que se jogáva!(ela parecia uma verdadeira Doutora...de um centro de saúde qualquer perdido no meio da floresta!
Exames...e mais exames...sem resultados concretos, e eu estava a ficar impaciente com a Doutora:
- Atão??? Tou doente ou não?
Ela já tremia por tudo quanto é lado( eu sempre fui um paciente irrequieto!):
- S...Sim...Tens qualquer coisa...que...
- Agora sou eu!!! - exigi eu, já com o nervosinho miúdinho de tanto esperar!
Quando comecei o meu exame ao mais intímo dela, ela começou a ter, o que eu pensava serem convulsões...Quando vi aquilo...entrei em pânico, mas ela dizia: "Não pares...Não pares..." Eu fiquei na dúvida, mas continuei até que... entrou o comandante!
Depois desse dia, nunca mais quis seguir medicina...tive que me dedicar ao contrabando de escravos para navios...como escravo até ao dia em que consegui fugir...



por aguadeiro
publicado por Aguadeiro às 23:30
Link | Comentários | Ver Comentários (16) | Adicionar a Favoritos
Sábado, 26 de Junho de 2004

CONVERSA ENTRE PAI E FILHO

sm3_1.JPG


CONVERSA ENTRE PAI E FILHO, ANTES DE ADORMECER, NUMA CIDADE NORTE-AMERICANA (parte 1)


Filho: Pai, porque é que tivemos que atacar o Iraque?


Pai: Porque eles tinham armas de destruição em massa, filho.


F: Mas os inspetores não encontraram nenhuma arma de destruição em massa.

P: Isso é porque os iraquianos as esconderam.


F: E porque é que nós invadimos o Iraque?


P: Bom, as invasões funcionam sempre melhor que as inspeções.


F: Mas depois de os termos invadido, ainda não encontramos nenhuma arma...


P: Isso é porque as armas estão muito bem escondidas. Mas haveremos de encontrar alguma coisa, provavelmente antes mesmo das próximas eleições.


P: Para as usar numa guerra, claro.


F: Estou confuso. Se eles tinham todas essas armas e planejavam usá-las numa guerra, então porque é que não usaram nenhuma quando nós os atacamos?


P: Bem, obviamente não queriam que ninguém soubesse que eles tinham aquelas armas, por isso eles escolheram morrer aos milhares em vez de se defenderem.


F: Isso não faz sentido. Porque é que eles haveriam de escolher morrer se tinham todas aquelas armas poderosas para lutar contra nós?


P: É uma cultura diferente. Não é necessário fazer sentido.


F: Pai, não sei o que é que você acha, mas não me parece que eles tivessem quaisquer daquelas armas que o nosso governo dizia que eles tinham.


P: Bem, não interessa se eles tinham ou não aquelas armas. De qualquer modo nós tínhamos outra boa razão para os invadir.


F: E qual era?


P: Mesmo que o Iraque não tivesse armas de destruição em massa,Saddam Hussein era um cruel ditador, o que é outra boa razão para invadir um país.


F: Porquê? O que é que um ditador cruel faz para que seja correto invadir o seu país?


P: Bom, pelo menos uma coisa, ele torturava o seu próprio povo.


F: Assim como fazem na China?


P: Não compare a China com o Iraque. A China é um bom parceiro econômico, onde milhões de pessoas trabalham por salários de miséria, em condições miseráveis, para tornar as empresas norte-americanas mais ricas.


F: Então, se um país deixa que o seu povo seja explorado para o lucro das empresas americanas, é um bom país, mesmo se esse país tortura o povo?


P: Certo.


F: Porque é que o povo no Iraque era torturado?


P: Por crimes políticos, principalmente, como criticar o governo. As pessoas que criticavam o governo no Iraque eram presas e torturadas.


F: Não é isso o que também acontece na China?


P: Já disse, a China é diferente.


F: Qual é a diferença entre a China e o Iraque?


P: É que o Iraque é governado pelo Partido Baas enquanto que a China é comunista.


F: Você não tinha dito uma vez que os comunistas eram maus?


P: Não, só os comunistas cubanos são maus.


F: Porque é que os comunistas cubanos são maus?


P: Porque as pessoas que criticam o governo em Cuba são presas e torturadas.


F: Como no Iraque?


P: Exatamente.


F: E como na China, também?


P: Já disse, a China é um bom parceiro econômico. Cuba, por outro lado, não
é.


F: Porque é que Cuba não é um bom parceiro econômico?


P: No início dos anos 60, o nosso governo fez umas leis tornando ilegal o comércio com Cuba até que eles deixassem de ser comunistas e começassem a ser capitalistas como nós.


TO BE CONTINUED...


"retirado algures da net"


por Tuberkulo

publicado por Aguadeiro às 01:18
Link | Comentários | Ver Comentários (7) | Adicionar a Favoritos

About me

Search this Blog

 

Agosto 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Posts Recentes

Façam Filhos Poorrraaaa!!...

Um regresso inesperado, m...

*** WANTED ***

Oferta de Emprego!

O Fim da Luta!

Olhem Que bonito que é!!!...

Porra!

Mais um E-mail!

Natal em Maio 2005

A Vida é mesmo assim!!!

Chegou a hora de ajudar

A Promessa

De Regresso...daqui a um ...

Coisas da Vida

...

Arquivos

Agosto 2007

Junho 2006

Novembro 2005

Agosto 2005

Maio 2005

Dezembro 2004

Outubro 2004

Julho 2004

Junho 2004

Links

Inquérito Nacional

subscrever feeds